16 de fevereiro de 2009

With the one I don't know

O primeiro corte é o mais profundo. Já ouvi dizer isso em algum lugar. E já fui cortado pela primeira vez. Mas a memória de todo mundo que se apaixona é seletiva demais, certo?
Voltei de Porto Seguro sem seguranças, esperanças e expectativas em relação a ninguém. Fui com ele e voltei sem. Ou será que eu fui alguma vez com ele para algum lugar? Somos o casal sem namorar. Até a baiana que estava com ele já no 1º dia, sabia.
A cidade me ajudou a curar melhor que qualquer cicatrizante. Às vezes era só eu e o mar. Às vezes era só eu e o nosso meu quarto. Às vezes era eu, ele e muitas pessoas. Às vezes era só ele e eu. Com tudo que não devia ser dito pronto pra sair desbravado pela boca um do outro. Mas quem não se contém, não aproveita o melhor da festa. As melhores frases são as que vão ser ditas ainda. Algum dia.
E assim, contidos, a gente curtiu cada um pro seu lado 7 dias de amor por Porto Seguro. Enquanto os dois viam o espaço entre os dois crescer além do permitido para qualquer ferida aberta.
Aí voltamos. E lá fomos o casal sem namorar. E com essa proeza, ele conseguiu me machucar mais que qualquer meio-namorado que eu nunca tive.

how am I gonna get through?

11 comentários:

Bell Bastos disse...

Seei beeem como é isso, ser um casal sem namorar.Aliás, sei perfeitamente. uahuaauhaua E o mas estranho é que quando a gente "se separa" (ou "termina o namoro", como você quiser), dói muito, afinal é uma separação! Mas a dor é meio "abafada" porque ao mesmo tempo que era "tudo" também não era nada. Muito estranho mesmo.
__________________________

É, a primeira... E sei lá, como a minha professora ainda vai mandar o texto pro correio, ainda nem tô nervosa, mas se a professora gostou tanto assim do meu texto, acho que ele será selecionado... Mas acho que a ficha só vai cair meesmo qando eu ler o meu texto no jornal. E cara, eu não tenho nem 18 ainda, e já ter um texto meu publicado no jornal, caraaamba, é até meio assombroso. xD auhauahua

E obrigada, também desejo muuita sorte pra mim mesma. uahuhauahuaua

Cara do Blog disse...

Que saco em...
bom qeu vc ta melhorando, dores do corações e a pior dor que existe, por que ela demora mais pra passar.
Abraços!

Mr. T disse...

Não sei o que pode ser pior: não ter ou ter pela metade... Sinto muito por vc... Se conselho fosse bom, era vendido, mas mesmo assim: se não ta te fazendo bem, cai fora... Ninguém merece uma relação assim...
Beijos

du disse...

...puxa, sinto muito....

...Adriane Galisteu disse uma vez que não há coisa pior do que solidão a dois....e devo concordar que situações onde mesmo cercados por multidões e acompanhados por alguém que amamos, coexiste o sentimento de vazio, de procura, de abandono são devastadores, acachapantes...

...espero que as coisas melhorem...

.abraço.

bily disse...

Namorar não é preciso para ser um casal. Um par não é necessariamente uma pessoa agradável ou desagradável, as vezes é só uma pessoa. A questão toda é como a vemos ou como a queremos ;)
Em todo caso sempre há um lugar para cada pessoa.
Beijo

Fabiano (LicoSp) disse...

Passei por isso tambem, namorei por 9 anos, mas no final eramos um casal de namorados que + pareciam irmão ou melhores amigos.

O fim, por mais trágico que possa parecer foi a melhor solução.

Melhoras.

Barbarella disse...

Dificil hein...mas passa...no primeiro instante é incurável,
mas tu vai ver...a gente sofre e aprende..e não se permite a passar por isso de novo...grande beijo...e forças sacode a poeira e bola pra frente...
Ps.a gata chama Chica...

Fernanda Cozendey disse...

oun :~
deixa o tempo, e vá mais a Porto Seguro; certas coisas a brisa do mar nos cala, consola ou determina.

beijos

ANDRÉ MANS disse...

Entendo mas vejo que essa viagem foi uma má idéia... sei lá.. só sei que selei os 3!! Blog tá selado. Beijo e força!!

SAM disse...

Também acredito que talvez ela não tenha sido uma boa idéia.

É dificil...mas será que vale a pena continuar?

Pese os pós e contras...


Beijão e muita força tá?
;)

confissoesaesmo disse...

Putz...
Eu era o mestre das relações auto-destrutivas (pra mim, claro).
Se afasta, sério.
É dificil, complicado, mas vc consegue!
A gente sempre consegue.
Boa sorte.

Related Posts with Thumbnails